Aberto Inquérito Civil contra a ALL

Tendo em vista as denúnicias feitas pelo Município do Capão do Leão, foi aberto no Ministério Público Federal um Inquérito Civil para que se apurassem as mesmas. O inquérito tem como alvo a América Latina Logística, empresa concessionária da ferrovia.
A ALL, após as enchentes de 2009, ao reconstruir a ponte do trem sobre o arroio Padre Doutor, não retirou os entulhos utilizados na obra. Os entulhos obstruem a passada da água, tendo em vista que estreitou o canal.
Outro motivo que ensejou a denúncia do Município foi a falta de galerias suficientes para vazão d'água no leito da via férrea. Assim, foi solicitado a ampliação dessas galerias, o que facilitaria o escoamento da água. O inquérito está sob os cuidados do procurador da República, Mauro Cichowski dos Santos.
A comissão que participou da reunião com o MPF foi composta pelo prefeito municipal, João Quevedo, pelo Ver. Valdeci de Lima (PMDB), pelo secretário de obras Alex Sandro Quevedo, além de moradores diretamente afetados pela linha férrea.

Comentários