Dados do IBGE

O IBGE divulgou na semana passada dados do censo domiciliar realizado no ano de 2010. E as informações não são nada animadoras para o município do Capão do Leão.
Alguns ítens chegam a ser constrangedores, como por exemplo, não possuir uma rampa sequer para cadeirante, ou ter alto índice de esgoto a céu aberto. Isso tudo coloca o município como um dos piores da Zona Sul do Estado.
Com 95,9 e 72,6%, respectivamente iluminação pública e arborização são os ítens melhor avaliados. No entanto, alguns dados são preocupantes.
É inadimissível que um município de 27 mil habitantes não possua nenhuma rampa para cadeirante. Esse dado se torna mais preocupante ainda ao constatar que nosso município tem uma lei de acessibilidade. Essa lei não é nem de perto cumprida.
Do mesmo modo, ter apenas 12% das ruas paviementadas, chega a ser uma vergonha para nossos governantes. Do mesmo modo ter apenas 4,8% de calçada. E não adianta querer transferir a culpa só para a população.
Outro dado muito preocupante é do esgoto a céu aberto: absurdos 68,2%. Isso é mais de 6 vezes maior que a media nacional que é de 11%. E olha que esgoto a céu aberto é um problema de saúde pública. Está na hora do município repensar seus investimentos nessa área. Tem que cobrar da CORSAN os investimentos prometidos no ato de assinatura do contrato. E a fiscalização cabe a toda a comunidade.
Abaixo, um gráfico comparativo entre nosso município e a média nacional, apena para a comunidade ter noção da real gravidade do problema.
Fonte: IBGE

Comentários