Eduardo Leite é o novo prefeito de Pelotas

O candidato do PSDB à prefeitura de Pelotas, Eduardo Leite, foi confirmado como novo prefeito do município a partir de 1º de janeiro de 2013. O atual vereador teve a vitória confirmada com aproximadamente 61% das urnas apuradas.
Eduardo Leite tem 27 anos e é advogado formado pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Foi presidente do Grêmio Estudantil do Colégio São José. Em 2008, foi o segundo candidato a vereador mais votado do PSDB gaúcho. Em 2004, com apenas 19 anos, na primeira vez que se candidatou, fez 2.937 votos, finalizou a eleição como um dos mais votados e tornou-se primeiro suplente.
Eduardo vence com larga vantagem
Foto: Carlos Queiroz/DP

Foi convidado pelo então prefeito Bernardo de Souza (PPS) para integrar a sua equipe, na Secretaria de Governo e, depois, como secretário interino de Cidadania. Leite foi o secretário mais jovem do município.
Na administração do prefeito Fetter Júnior, tornou-se chefe de Gabinete; em seguida, assumiu a titularidade como vereador e foi reeleito em 2008.
Dentre seu projetos de destaque, estão o de transparência nos gastos públicos pelotenses, do Código de Ética da Câmara e o da publicação e redução das diárias do Legislativo municipal.
Leite foi o mais novo parlamentar a ocupar a presidência do Legislativo pelotense, em 2011.

Com informações do DP

Capão do Leão: Muitos podem vir aqui e dizer que essa eleição pouco ou em nada afeta a nossa querida Capão do Leão.
Tenho que discordar. A eleição no município-mãe afeta e muito nossa comunidade. Por vários motivos. Primeiro porque muitos desses políticos que concorrem em Pelotas vem ao Capão do Leão pedir voto para deputado, muitas vezes. Esta aí um bom motivo para acompanhar a política de lá.
Também não podemos esquecer da dependência sócio-econômica que temos da cidade vizinha. Muitas pessoas votam aqui, mas moram lá; outras votam lá, mas moram aqui. Sem contar que milhares de pessoas se deslocam diariamente até Pelotas para lazer, para serviços, mas principalmente para trabalhar. Por isso não podemos simplesmente fechar os olhos e achar o acontece lá não nos interessa.
Para concluir, não nos esqueçamos que Capão do Leão, juntamente com Pelotas, Arroio do Padre, Rio Grande e São José do Norte fazem parte do Conglomerado Urbano do Sul, o AUSul. Por isso os prefeitos eleitos nessas cidades, independente de sigla partidária, devem trabalhar em conjunto para que possam buscar recursos que beneficiem toda a região. Estamos falando aí de trem regional, estaleiros, mobilidade urbana, investimento em habitação, capitação de água do São Gonçalo, entre tantas outras coisas de interesse, não só de Pelotas ou Capão do Leão, mas de toda a região. Por isso a eleição de lá nos interessa e muito.

Comentários