Prefeito teria doado terrenos de área verde do município

Um grupo de moradores do loteamento Parque Fragata estiveram na Câmara de Vereadores na tarde de ontem e fizeram uma denúncia gravíssima contra o prefeito Cláudio Vitória.
Os moradores disseram que o prefeito mandou invadir e cercar terrenos localizados em áreas verdes. Disseram que o prefeito teria dito que ninguém os tiraria de lá e que os lotes seriam regularizados em breve. O que nunca aconteceu.
Algumas pessoas construíram casas nesses terrenos, mas não possuem a infra-estrutura mínima de moradia, como água e luz. Vivem numa situação desumana. 
Depois que a situação veio a público, a prefeitura derrubou os cercados e as casas que estavam em área irregular. Os moradores agora estão desamparados. Indagado o prefeito disse que não deu terreno nenhum e nunca mandou invadir nada. 
Mais um problema para o prefeito que até terminar (se terminar) quebrará o recorde de processos contra um administrador público.

Sociedade de Terras
Alguns desses terrenos pertencem a Incorporadora Sociedade de Terras, que é motivo de investigação pela Câmara. As pessoas estariam "comprando" esses terrenos e "esquentando" na prefeitura, pagando IPTU e depois vendendo por preços bem superiores, numa especulação imobiliária sem fim.
E não está descartada uma CPI para investigar essa especulação, que tem até funcionários da prefeitura envolvidos.


Comentários