Área invadida da BR 293 tem reintegração de posse

Uma área situada na BR 293, no entroncamento com a estrada da Hidráulica, invadida desde o mês de setembro por integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), teve sua reintegração de posse concedida pela justiça àquele que alega ser o dono.
Com a reintegração os invasores deixaram o local. A posse do referido imóvel é de Tomaz Victória, que teria adquirido de Cláudio Altair Stallbaum, incluindo a área invadida, por R$ 14 mil. Essa transação foi motivo de CPI na Câmara de Vereadores, que alega falsidade nos documentos e facilitação de entes políticos do município, inclusive, com tráfico de influência. Lembre que o prefeito Cláudio Vitória quase foi cassado por isso. Relembre o caso clicando em Entenda a situação do imóvel que pode complicar a vida do prefeito.

Decreto de desapropriação sem desapropriação
Um decreto do município desapropriava a área para utilização do próprio município para um projeto de construção de casas populares, criando uma expectativa entre os integrantes do MTST e da própria comunidade leonense, que inclusive, fez um cadastro habitacional.
No entanto, esse decreto nunca surtiu efeito, já que não houve nenhum processo de desapropriação. E com os documentos em mãos, Tomaz conseguiu reintegração de posse. O caso agora irá parar no Ministério Público. 

Comentários