"Mulheres são a desgraça do homem", diz vereador de uma cidade do Litoral Norte gaúcho

Um vereador de Capão da Canoa, no Litoral Norte do Rio Grande do Sul, causou polêmica com um discurso no Dia Internacional da Mulher, celebrado na terça-feira (8). Um dia antes, na segunda-feira (7), Dilceu Medeiros Lopes (PDT) falou sobre a data durante uma sessão ordinária da Câmara Municipal.
Em um momento do discurso, o parlamentar afirma que as mulheres "estão se achando". Ainda disse que o sexo feminino foi a "desgraça do homem" e que a mulher, “não satisfeita disso, carregou a desgraça para o mundo todo”. Na sequência, ao abordar a passagem bíblica de Adão e Eva, ele diz que Eva “fez todo aquele estrago ainda e veio dar uma de pose de rainha e dizer que não tinha feito nada. E vem cheia de glória aqui dizendo que tem todos os maiores direitos.”
Dilceu finaliza, entretanto, parabenizando as mulheres pela data: “Dessa forma, de uma forma bem elegante, parabenizar pelo Dia Internacional da Mulher, que foi uma conquista de uma época bem difícil, todos nós sabemos. E merecidamente.”
A fala do vereador foi divulgada em uma página no Facebook. A postagem chama a atenção para um “discurso machista em "homenagem" ao dia da mulher na Câmara de Capão da Canoa” e diz que “Com frases como ''estão se achando'' e ''querem ser igual ao homem'', o vereador causou um grande constrangimento no local.
Veja o vídeo abaixo, que também pode ser assistido clicando aqui Vereador diz que a mulher foi a desgraça do homem.



Opinião do editor: talvez o nobre edil tenha apenas feito uma brincadeira, mas não pegou bem. Homens públicos, detentores de cargos devem zelar por aquilo que dizem e que fazem, sob pena de constrangimentos alheios e ofensas gratuitas. Ofender as pessoas, ou uma classe, não pega bem para nenhum político. E vale sempre ressaltar: imunidade parlamentar não é ilimitada. Na realidade, nesse caso, o que houve foi irresponsabilidade.

Fonte: G1.com

Comentários