“Viver é o Bicho” tem ação de conscientização na BR 116


Campanha orienta sobre o risco de animais soltos na rodovia e conta com o apoio da Faculdade de Veterinária da UFPel
A Ecosul, em parceria com a Universidade Federal de Pelotas (UFPel), promove nesta quarta-feira(20), das 9h às 16h30, mais uma ação da campanha “Viver é o Bicho”, no km 530 da BR 116, no Capão do Leão. A iniciativa tem o objetivo de sensibilizar a comunidade lindeira à rodovia sobre a necessidade de cuidados redobrados com os animais e posse responsável.
Durante a atividade a concessionária - através do Comitê de Segurança Rodoviária (CSR) - irá distribuir cartilhas para os moradores, orientando sobre os perigos acarretados com animais soltos na pista e dando dicas de segurança. Os equinos serão avaliados clinicamente e identificados com chip pelos veterinários da UFPEL. Além disso, as charretes receberão adesivos refletivos para garantir mais segurança nas rodovias. Os condutores das charretes receberão coletes e os animais tornozeleiras, ambos também refletivos. “Este conjunto de ações contribui para que estes veículos sejam bem visualizados nas rodovias e estradas, principalmente à noite”, explica o coordenador do CSR e gerente de engenharia da Ecosul, Fabiano Medeiros.

CAMPANHA - Lançada em maio de 2012, a campanha “Viver é o Bicho” foi criada a partir da necessidade de conscientização sobre os riscos de animais soltos nas estradas. O foco são os motoristas que circulam pelas rodovias da região, donos de animais, responsáveis por sua guarda, e condutores de veículos de tração animal. A iniciativa envolveu ainda a capacitação interna dos colaboradores da inspeção de tráfego da Ecosul, guincho e Resgate médico, para atuação durante o atendimento de ocorrências com animais na pista. As equipes receberam orientações específicas, além de aulas práticas de tiro de laço para efetuarem com agilidade a captura dos animais soltos. A campanha conta com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e UFPel - através da Faculdade de Veterinária, que realiza às ações de avaliação e assistência médica aos animais recolhidos.

Fonte:  Satolep Press - Comunicação e fotografia

Comentários