Município de Capão do Leão sinaliza que poderá comprar 10 mil vacinas através de consórcio

Em uma reunião na última terça-feira, 02, o presidente da AZONASUL, Vinicius Pegoraro e o Presidente do Consórcio Público do Extremo Sul, Favio Telles, ouviram o posicionamento dos 22 Prefeitos da Região, referente a compra das vacinas, além de saber, também, qual o número de doses cada Município pretende adquirir, se necessário for.
Em contato com três laboratórios, Pegoraro explicou a necessidade de levantar o quantitativo da região para registrar uma Carta de Intenção para aquisição das vacinas, o quanto antes, como forma de sinalizar o interesse e antecipar o processo, caso o Governo Federal não cumpra com cronograma da vacinação.
Em contrapartida, o Prefeito Favio Telis anunciou que o Consórcio Público do Extremo Sul, publicará ainda nesta semana um Registro de Preço, para aquisição das vacinas, ferramenta indispensável para a celeridade no processo de aquisição.
A demora do Ministério da Saúde na distribuição dos imunizantes vem deixando os gestores inseguros, ficando assim a necessidade de se antecipar e se preciso for, os prefeitos tomarão a iniciativa por conta própria, se utilizando de uma compra coletiva dos 22 municípios da região, embora não seja a intenção dos Prefeitos de sobrepor o cronograma do governo federal, mas sim priorizar a imunização das pessoas economicamente ativas.
O município de Capão do Leão, através do prefeito municipal, Vilmar Schmitt, destacou que a intenção do nosso município é de comprar no mínimo 10 mil doses da vacina contra COVID.

E nota, a AZONASUL disse que enquanto o processo não se conclui, e a aceleração da vacinação seja uma realidade, pede-se que a população se conscientize cada vez mais, redobrem os cuidados com a higiene e mantenham o máximo de distanciamento social possível, para vencermos esse vírus e voltarmos a normalidade o quanto antes.
_____________________________________________


Comentários